manutencao-e-suprimentos

A importância do alinhamento entre produção, manutenção e suprimentos

Em primeiro lugar, quem segue os princípios ESG já tem em mente a importância de valorizar a qualidade na prestação de serviços. Ao passo que ela promove uma grande melhoria na sua empresa, que visa explorar seu diferencial competitivo, sobretudo quando tende a melhorar processos ligados à produção, manutenção e suprimentos.

Sabemos que existem áreas mais críticas, em relação à resolução de falhas e gargalos. Entretanto, não podemos negligenciar o fato de que uma área depende da outra. Portanto, é essencial pensar em melhorias que atinjam todos os departamentos e processos, em busca de aperfeiçoar o desempenho dos seus fluxos de trabalho.

Diante disso, conheça agora a importância e os benefícios da relação entre as áreas de produção, manutenção e suprimentos.

A assertividade no setor de siderurgia

Atualmente, o setor de siderurgia vive um de seus melhores momentos. Afinal, segundo dados vistos no Congresso Aço Brasil 2022, o Brasil teve perspectiva de entregar cerca de 23 mil toneladas de aço até o fim do ano referente.

Além disso, obteve um crescimento de aproximadamente 2% a mais em relação ao ano de 2021. Entretanto, apesar desse favorecimento, é essencial que as siderurgias busquem melhorar sua qualidade e capacidade produtivas, sobretudo nas áreas que envolvem produção, manutenção e suprimentos.

Isso porque o impacto positivo com o cliente final será favorável ao crescimento em grande escala que acontece no mercado. Aliado a isso, a adoção de métodos que valorizam a melhoria contínua ajuda a elevar sua produção, atender às normas regulamentadoras e melhorar a satisfação do público. Portanto, foque nesses investimentos internos para ser ainda mais assertivo.

A relação importante entre as áreas

Quando fazemos o mapeamento de processos, percebemos como é importante reduzir erros e retrabalhos que impactam diretamente os fluxos de outros setores. Neste caso, as áreas de produção, manutenção e suprimentos se relacionam e dependem de medidas que tornem benéfica essa integração.

Quer exemplos? Então, a linha de produção demanda matéria-prima com determinada especificação e em períodos regulares. Logo, essa é uma informação que o setor de suprimentos precisa saber, uma vez que não pode deixar faltar recursos, fazendo a reposição em tempo hábil.

Por sua vez, a manutenção precisa pausar a produção em determinado dia em busca de realizar reparos e verificações, principalmente quando são aquelas paradas programadas que seguem princípios da ação preditiva.

Sob esse ponto de vista, a equipe de manutenção também tem que realizar a compra de certos equipamentos ou peças e outros produtos necessários. Com isso, é importante que se tenha controle, para que tudo ocorra sem nenhum contratempo ou demais desperdícios de tempo e dinheiro.

Os benefícios do alinhamento entre produção, manutenção e suprimentos

De maneira geral, essa integração otimiza os resultados do seu planejamento de compras, torna os setores mais produtivos e permite maior confiabilidade nos dados que correspondem à produção, manutenção e suprimentos.

Certamente, esse alinhamento melhora o desempenho dos colaboradores, permite uma logística com foco na Indústria 4.0 e prazos de entrega que contribuem para a satisfação dos clientes. Ou seja, são investimentos que engrandecem sua gestão.

Neste conteúdo, você aprendeu o quanto é eficaz investir no alinhamento entre produção, manutenção e suprimentos. Assim, sua indústria se mantém produtiva e estabelece a melhoria e aprendizagem contínua.

Quer ter acesso a mais dicas como esta? Então aproveite para cadastrar seu e-mail para receber conteúdos inéditos em primeira mão.

Quer receber mais conteúdos como esses gratuitamente?

Cadastre-se para receber os nossos conteúdos por e-mail.

ENTRE EM

CONTATO

Translate »
Rolar para cima